Instituto Federal do Paraná Marca do IFPR I NS TIT U T O F EDER A L Paraná Campus Foz do Iguaçu
Início notícias Futuros engenheiros de Aquicultura realizam visita técnica no litoral

Futuros engenheiros de Aquicultura realizam visita técnica no litoral

Publicado em

Estudantes e professores de Engenharia de Aquicultura visitam litoral paranaense e catarinense

Com o objetivo de acompanhar de perto as rotinas e experiências das criações de organismos aquáticos marinhos, o curso de Engenharia de Aquicultura do Instituto Federal do Paraná (IFPR) – Campus Foz do Iguaçu realizou, de 04 a 07 de novembro, visitas técnicas ao litoral paranaense e catarinense.

As visitas complementaram os conteúdos teóricos ministrados na disciplina “Maricultura”. Entre outras coisas, os futuros engenheiros puderam conhecer estruturas de cultivo, centros de pesquisa e conferir, in loco, todas as potencialidades do cultivo de ostras e camarões.

As atividades tiveram início numa depuradora de ostras em Paranaguá, onde puderam conhecer o sistema de descontaminação, os equipamentos e metodologias utilizadas. Na sequência, foi realizada a visita embarcada na baía de Paranaguá para observar o bioma estuarino e o cultivo de ostra na Ilha do Mel. No município paranaense de Guaratuba, os estudantes conheceram o Sítio Sambaqui, onde observaram a infraestrutura do cultivo de ostras e, ao final, degustaram esta iguaria muito apreciada. Os estudantes e professores conheceram, ainda, os estudos e a estrutura do Centro de Estudo do Mar da Universidade Federal do Paraná (UFPR) em Pontal do Paraná.

Em Santa Catarina, no município de São Francisco do Sul, a equipe contemplou a criação de camarões na Fazenda Quality Camarões, conhecendo a infraestrutura dos viveiros, os sistemas de bombeamento e de aeração, alimentação e abate dos camarões.

“A visita contribuiu bastante para a formação dos nossos futuros engenheiros, já que complementou a teoria e abordou diversos aspectos da produção de organismos aquáticos marinhos, proporcionando que eles conhecessem, desde pesquisas na área até toda a cadeia produtiva destes alimentos de altíssima qualidade nutricional”, explica o professor Sidney Klein.

Galeria de Fotos

Leia mais

Topo