Instituto Federal do Paraná Marca do IFPR I NS TIT U T O F EDER A L Paraná Campus Foz do Iguaçu
Início notícias Seção Pedagógica do Campus promove atividades voltadas ao bem-estar dos estudantes

Seção Pedagógica do Campus promove atividades voltadas ao bem-estar dos estudantes

Publicado em

Equipe da Sepae trabalhando remotamente na quarentena

Mesmo com a suspensão das aulas em virtude da pandemia de Covid-19, o Instituto Federal do Paraná (IFPR) não parou com suas atividades administrativas e, desde o dia 17 de março, o trabalho remoto tem feito parte da rotina dos servidores. A Seção Pedagógica e de Assuntos Estudantis do Campus Foz do Iguaçu, por exemplo, tem desenvolvido diversas ações voltadas à gestão escolar e à promoção do bem-estar dos estudantes.

No que diz respeito ao atendimento psicossocial, a Sepae tem atuado em diferentes frentes para apoiar e acompanhar estudantes do Campus que venham a enfrentar alguma dificuldade. Nesse sentido, uma série de pesquisas foram feitas e estão em andamento para mapear as necessidades dos alunos, ampliar o contato com suas famílias e, em algumas situações, encaminhar casos para a rede socioassistencial.

Bolsas e Auxílios

Diante do período de excepcionalidade, diversos fluxos para concessão de bolsas e auxílios financeiros precisaram ser adaptados. Em razão da suspensão do pagamento das bolsas do Programa de Assistência Complementar ao Estudante (Pace), vinculado à frequência escolar, foi criado o Programa de Auxílio a Situações Emergenciais (PRASE) para atender alunos em situação de vulnerabilidade social.

A assistente social do Campus, Edinalva Júlio, junto aos assistentes sociais dos outros campi e da Reitoria do IFPR, tem realizado a produção de materiais informativos e orientações sobre programas e benefícios sociais para encaminhar aos estudantes e familiares. O auxílio emergencial (Prase) no valor de R$180,00 foi distribuído para os alunos identificados como beneficiários. Ao todo, foram contemplados, até o momento, 113 alunos. A ideia é repetir o pagamento no mês de junho.

Saúde mental e inclusão

Para ajudar na saúde mental dos estudantes, o psicólogo do Campus, Gustavo Rahal, promoveu, em abril, a palestra on-line “Em busca pela Autoestima: caminho para o sucesso ou armadilha?” . O psicólogo também está atendendo remotamente estudantes que enfrentam dificuldades emocionais neste período tão atípico.

A intérprete de Libras do Campus, Kátia Lamberti, em conjunto com outros intérpretes do IFPR, tem participado de atividades remotas em diversas atividades voltadas à tradução e interpretação de libras e trabalhos em cooperação com a coordenação geral do Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (Napne). Há, também, produção de vídeos didáticos traduzidos para a Libras.

Perspectivas – Apoio nas atividades de educação a distância

O coordenador da Sepae, Gustavo Rahal, explica que as atividades relacionadas à gestão escolar continuam em andamento. A dinâmica de fluxos financeiros para pagamento de bolsas e a revisão de planos de trabalhos docentes são alguns exemplos. Além disso, diversas reuniões para planejamento de retorno às atividades estão sendo realizadas, com o objetivo de se pensar como será a nova rotina pós-quarentena.

A Sepae dará, também, suporte aos professores que desejarem retornar às atividades remotas. Para isso será feito um diagnóstico da participação dos alunos e identificação de dificuldades que venham a surgir. “Encontrar soluções para criar uma rotina e engajar o aluno nas atividades a distância será um trabalho em conjunto com a família”, ressalta Gustavo.

Galeria de Fotos

Topo